Fashion Masters

Se você quer saber dos looks e estilistas mais conceituados do momento, este é o lugar.

A marca do sucesso das bolsas de Louis Vuitton
Os conhecidos símbolos estampados nas bolsas do empreendedor francês hoje estão espalhados por todo o mundo; saiba como começou esta história bem sucedida
Fonte: br.louisvuitton.com; celebrating.monogram.lv
Publicado em 19/11/2014

A atriz Uma Thurman faz campanha da Louis Vuitton

As bolsas da famosa grife francesa Louis Vuitton se tornaram objeto de desejo de qualquer mulher elegante e ligada em moda. Também se tornaram símbolo de status, uma vez que as bolsas da grife são disputadíssimas e exclusivas. Mas pouca gente sabe que a marca nasceu há muito tempo, na época que as pessoas ainda andavam de carroça e levavam seus pertences em baús, no século XIX.

Louis Vuitton, seu fundador, começou sua carreira muito cedo, ainda aos 16 anos, fabricando baús de forma artesanal para que os viajantes pudessem levar seus pertences de forma segura nas carroças. Em 1897, ele chegou em Paris, onde aprendeu o ofício com um artesão conhecido na região chamado Monsieur Maréchal. Vuitton abriu seu próprio atelier 17 anos depois, também em Paris.

Atelier Asnières

O lugar onde Vuitton iniciou seus negócios por conta própria permanece intocado, e é utilizado até hoje para a fabricação das bolsas. O famoso empreendedor começou com 20 funcionários em 1859, e em 1914 já tinha 225 pessoas trabalhando para ele.

Fecho Tumbler

Vuitton e seu filho Georges Vuitton foram também inventores de um sistema de trancas considerado um dos mais seguros na época, chamado de Tumbler. O sistema é formado por duas fivelas com molas. Na época, as malas carregadas por viajantes eram muito suscetíveis a roubos. Confiante de seu sistema, Vuitton chegou a desafiar o famoso mágico norte-americano da época, Houdini, a escapar de sua mala com o seu fecho. O mágico não aceitou o desafio, mas o sistema de trancas foi patenteado e é usado até hoje.

Os antigos baús de Louis Vuitton

Canvas Monogram

O famoso canvas Monogram (monograma canvas), aqueles motivos estampados nas bolsas da Louis Vuitton, foi criado em 1896 pelo filho de Louis, Georges, para evitar a falsificação da marca, prática recorrente já naquela época.

Em 1965, Gaston-Louis Vuitton, filho de Georges, contou como seu pai tinha criado os motivos da tela Monogram: “Em primeiro lugar, as iniciais da empresa LV – foram entrelaçadas de modo que continuassem perfeitamente legíveis. Depois, um losango. Para dar uma personalidade específica à forma, ele fez os lados côncavos com uma flor de quatro pétalas no centro. Em seguida a extensão dessa flor numa imagem positiva. E por fim, um círculo contendo uma flor com quatro pétalas arredondadas.”

Confira outras publicações da Italia Milano