LookPedia

Amplie seu conhecimento sobre moda ficando de olho nesta seção

Você sabia que as camisetas eram usadas como roupas íntimas?
A camiseta básica era nada mais que uma “underwear”, e acompanhou a evolução da sociedade até chegar aos dias atuais mais popular do que nunca
Fonte: revistacrescer.globo.com
Publicado em 21/11/2014

Peça-chave no guarda-roupa de qualquer pessoa – homens, mulheres, crianças, jovens e adultos – a camiseta, quando foi primeiro usada por alguém, tinha uma função bem diferente: era uma peça íntima. Todo mundo sabe que, antigamente, usava-se muito mais roupas que se usa hoje. Pois bem, o raciocínio para o absurdo que foi dito acima pode partir daí.

Por baixo da túnica

Lá na antiguidade, uma peça de roupa bem semelhante à nossa velha conhecida era vista sendo usada pelos romanos por baixo da túnica para proteger da transpiração. Era sempre branca, feita de linho, e chamada de “camisia”. No século XIX, a camisia era usada por crianças até os 5 ou 6 anos como única vestimenta.

Roupa de trabalho

Na Europa, até o século XX, a camiseta continuou sendo usada como roupa de baixo para proteger da transpiração e do frio. Porém, já era possível ver trabalhadores braçais usando só a camiseta nas suas jornadas de trabalho, a fim de não rasgar a camisa de cima.

“T-shirt”

Foi nos Estados Unidos que a camiseta ganhou o apelido de “T-shirt”, por causa do seu formato de “T”. Os soldados americanos as usavam embaixo dos uniformes na Primeira Guerra Mundial.

“Dew it for Dewey”

A camiseta foi utilizada para fazer propaganda pela primeira vez nas eleições presidenciais de 1948 dos EUA, quando o candidato Thomas E. Dewey estampou a frase “Dew it for Dewey” nas camisetas da sua campanha.

Na telona

Mas foi Marlon Brando quem a fez se alastrar nas ruas como uma peça comum de roupa. O ator, muito famoso na época, apareceu no filme “Um Rua Chamada Desejo” vestindo apenas a camiseta, sem uma camisa por cima. Com a adoção da peça de roupa pelo ator James Dean, a nossa amiga camiseta também virou sinônimo de contestação.

Movimento “hippie”

As mulheres só passaram a usar a “T-shirt” nos anos 60, com o surgimento do movimento “hippie”. Nesta época, as camisetas também começaram a trazer mensagens pacifistas e o famoso símbolo de “paz e amor”.

Dias atuais

Seja para trazer conforto, fazer propaganda, mostrar uma ideologia, uma preferência musical ou simplesmente uma estampa bonita, hoje a camiseta veste a todos, sem discriminação.  

Confira outras publicações da Italia Milano